PM aposentado prestou apoio logístico e cedeu sítio a grupo que atacou banco em Porto Xavier, afirma delegado – – Santo Augusto Urgente –
Santo Augusto Urgente! Anuncie onde seu cliente também vê!   I    Patrola cai em açude no interior de Crissiumal   I    Instrutor de trânsito de 37 anos morre em Três Passos   I    Homem morre em acidente entre carro e carreta na BR-290   I    Idoso morre após ser atropelado por caminhão em Palmeira das Missões   I    Polícia prende três mulheres suspeitas de ‘golpe dos nudes’
28 de abril de 2019

PM aposentado prestou apoio logístico e cedeu sítio a grupo que atacou banco em Porto Xavier, afirma delegado

O policial militar aposentado preso em flagrante no sábado (27) é suspeito de prestar apoio logístico e ceder sítio para servir de esconderijo ao grupo que atacou uma agência bancária na última quarta-feira (24) em Porto Xavier, no Norte do Rio Grande do Sul. Segundo a polícia, o assalto foi planejado 15 dias antes.

Além do PM aposentado, outras duas pessoas foram presas.

Em coletiva de imprensa na tarde deste domingo (28) em Campina das Missões, o delegado responsável pela investigação do caso detalhou a suposta participação do ex-policial no crime.

“A investigação mostrou até agora que esse PM aposentado prestou apoio logístico, fez todo o levantamento do banco, a movimentação da Polícia Civil, da Polícia Militar, dando apoio prévio também, cedendo um sítio que ele tem lá em Porto Xavier. Foi nesse sítio que essa quadrilha ficou sitiada durante alguns dias até a prática do roubo”, explica o delegado Heleno dos Santos.

A polícia chegou ao PM aposentado após efetuar a prisão do primeiro suspeito, que conseguiu fugir do cerco, pegar um ônibus e chegar até a rodoviária de Porto Lucena, cidade onde acabou preso. Lá, o homem foi atrás de comida e água e acabou sendo denunciado por moradores. Foi ele que delatou os demais.

Antes do ataque ao banco, dois galpões de cebola em Porto Xavier tiveram seus cofres furtados. A polícia acredita que esses crimes tenham sido praticados pela mesma quadrilha, já que o grupo precisava de dinheiro para adquirir armamento.

Sobre a morte do soldado da Brigada Militar Fabiano Heck Lunkes no dia seguinte ao crime, a polícia disse durante a coletiva que as circunstâncias ainda vão ser investigadas e que seria muito cedo apontar a autoria do disparo.

Na manhã deste domingo, um suspeito também foi morto em confronto com a polícia. De acordo com a Brigada Militar (BM), o homem, cuja identidade não foi divulgada, tentou escapar do cerco policial que está montado em Campina das Missões desde o dia do assalto.

Ainda na coletiva, a polícia afirmou que esse suspeito que foi morto não se trata de um ex-policial militar, informação que vinha circulando na comunidade. A idade do homem varia de 30 a 40 anos.



Fonte: G1RS
Foto: Gabriel Garcia /RBS TV
Santo Augusto Urgente



Notícias Relacionadas

  • Após furto de veículo, ladrões são ...

    28 de novembro de 2021
  • Patrola cai em açude no interior de...

    28 de novembro de 2021
  • Instrutor de trânsito de 37 anos mo...

    26 de novembro de 2021
  • Homem morre em acidente entre carro...

    25 de novembro de 2021

NOTÍCIAS

PUBLICIDADES

PUBLICIDADES



NOTÍCIAS NO SEU E-MAIL

Cadastre-se para receber.

    Entre em contato conosco



      (55) 9 84034561 / (55) 9 96195305 Santo Augusto/RS / CEP: 98590-00
      Copyright 2017 ® Santo Augusto Urgente - Todos os direitos reservados