Santo Augusto Urgente! Anuncie onde seu cliente também vê!   I    Argentina tem em três dias, média de incêndios do mês de janeiro inteiro   I    Focos de incêndio voltam a ser registrados em Boa Vista do Buricá   I    Morre na UTI terceira vítima de acidente em ponte entre Tiradentes e Esperança do Sul   I    Cabeleireira é encontrada morta em porta-malas de carro   I    Três cães Pitbull atacam criança e um homem em Pelotas
26 de janeiro de 2019

Laudo confirma que ossada encontrada é de contadora de Palmeira das Missões

O laudo do Departamento Médico Legal (DML) confirmou que a ossada, localizada na última segunda-feira (21), é da contadora desaparecida, Sandra Mara Trentin, de 48 anos. O DML analisou a arcada dentária do corpo encontrado às margens da BR-158, em Palmeira das Missões, Norte do estado. Junto com os restos mortais estavam documentos com o nome de Sandra, além de roupas semelhantes às que ela usava.

Sandra desapareceu no dia 30 de janeiro de 2018. Ela saiu do escritório de contabilidade em que era sócia do marido, em Boa Vista das Missões. Depois, foi vista em Palmeira das Missões.

Duas pessoas foram denunciadas pelo crime: o marido de Sandra, Paulo Landfeldt, e Ismael Bonetto, por homicídio qualificado e ocultação de cadáver. Ambos foram presos, mas Paulo, que é vereador, conseguiu um habeas corpus e foi liberado. Ismael segue preso em Palmeira das Missões.

Relembre o caso
Sandra Mara Trentin, de 48 anos, foi vista pela última vez em Palmeira das Missões, em 30 de janeiro. Depois, a família encontrou o carro de Sandra estacionado em uma rua. Dentro do veículo, a polícia encontrou o chip do celular e documentos da mulher.

Em fevereiro, Landfeldt, que é vereador na cidade de Boa Vista das Missões, foi apontado pela polícia como mandante da morte da mulher. Ele teria contratado Ismael para matar a mulher. Ambos chegaram a ser presos em fevereiro, mas o vereador conseguiu um habeas corpus. Ismael segue na cadeia.

Ao ser preso, em Santa Catarina, ele confirmou o plano de Landfeldt e deu detalhes do caso. Já a defesa do vereador nega participação no crime. Ambos se negaram a passar pelo detector de mentiras.

A denúncia narra que Ismael Bonetto e outros envolvidos, que não foram identificados pela Polícia, espreitaram Sandra desde Boa Vista das Missões e a abordaram na cidade de Palmeira das Missões. Após renderem a vítima, levaram-na para local ermo, onde, ela foi morta a tiros. Segundo o MP, o crime ocorreu entre 30 de janeiro e 17 de fevereiro deste ano.
Os denunciados respondem por homicídio triplamente qualificado. O suspeito mandou matar Sandra por motivo torpe. Segundo o MP, ele queria o fim do casamento sem a necessidade de partilha do patrimônio do casal. Paulo teria pago R$ 40 mil a Ismael.

Fonte: G1/RS

Notícias Relacionadas

  • Bombeiros localizam corpo de jovem ...

    17 de janeiro de 2022
  • Argentina tem em três dias, média d...

    16 de janeiro de 2022
  • Focos de incêndio voltam a ser regi...

    15 de janeiro de 2022
  • Morre na UTI terceira vítima de aci...

    15 de janeiro de 2022

NOTÍCIAS

PUBLICIDADES

PUBLICIDADES



NOTÍCIAS NO SEU E-MAIL

Cadastre-se para receber.

    Entre em contato conosco



      (55) 9 84034561 / (55) 9 96195305 Santo Augusto/RS / CEP: 98590-00
      Copyright 2017 ® Santo Augusto Urgente - Todos os direitos reservados