Homem é condenado a 17 anos de prisão por morte de menina de 3 anos em Santa Maria – – Santo Augusto Urgente –
Santo Augusto Urgente! Anuncie onde seu cliente também vê!   I    Acidente com vítima fatal na BR 285 em Bozano   I    Identificado vítima do acidente de trânsito em Ajuricaba na manhã deste sábado   I    Justiça bloqueia bens de produtores rurais que mantinham trabalhadores em condições análogas à escravidão em São Borja   I    Ginecologista de Ijuí é acusado de violação sexual de doze vítimas   I    Idosa é atropelada na Avenida do Comércio em Santo Augusto
3 de outubro de 2018

Homem é condenado a 17 anos de prisão por morte de menina de 3 anos em Santa Maria

O homem acusado pela morte da menina Alice Kauane em julho de 2017, quando ela tinha três anos, foi condenado a 17 anos de prisão em regime, inicialmente, fechado. O julgamento ocorreu nesta terça-feira (2) em Santa Maria, cidade da Região Central do Rio Grande do Sul onde o crime aconteceu.

Alisson Garcia Lopes é companheiro da mãe da criança, Kanandra Ledi Lima da Silva, que já havia sido condenada a 20 anos de prisão em regime fechado pelo mesmo crime. Assim como a mulher, ele foi julgado no Tribunal do Júri, onde pessoas da comunidade participam da sentença.

O advogado de defesa de Alisson, Matheus Vicente Preto, disse ao G1 que vai recorrer da decisão. “A condenação foi totalmente injusta”, avaliou.

Alisson já está preso, desde a época do crime, na Penitenciária Estadual de Santa Maria. O período cumprido será descontado da pena.

Relembre o caso
Alice morreu na madrugada de 11 de julho de 2017 no bairro Nova Santa Mara, Zona Oeste da cidade. De acordo com a polícia, a menina apresentava sinais de agressão pelo corpo. Ela chegou a ser levada pela mãe e por Alisson ao Pronto Atendimento do bairro Patronato, mas chegou sem vida.

O Ministério Público, após a investigação policial, denunciou Kanandra e o companheiro pela morte. Quando o caso foi registrado, tanto a polícia quanto familiares relataram que havia indícios de que a criança sofria maus-tratos.

Alice Kauane tinha um irmão, na época com 5 anos. O menino contou à polícia que apanhava bastante e mostrou ainda diversos hematomas pelo corpo, principalmente nos braços e na barriga.

Fonte: G1/RS

Notícias Relacionadas

  • Familiares identificam jovem vítima...

    15 de maio de 2022
  • Acidente com vítima fatal na BR 285...

    15 de maio de 2022
  • Identificado vítima do acidente de ...

    14 de maio de 2022
  • Justiça bloqueia bens de produtores...

    13 de maio de 2022

NOTÍCIAS

PUBLICIDADES

PUBLICIDADES



NOTÍCIAS NO SEU E-MAIL

Cadastre-se para receber.

    Entre em contato conosco



      (55) 9 84034561 / (55) 9 96195305 Santo Augusto/RS / CEP: 98590-00
      Copyright 2017 ® Santo Augusto Urgente - Todos os direitos reservados